20 may. 2014

Outra breve aportaçom á campanha eleitoral



No céu cinzento sob o astro mudo
Batendo as asas pela noite calada
Vêm em bandos com pés veludo
Chupar o sangue fresco da manada
Se alguém se engana com seu ar sisudo
E lhes franqueia as portas à chegada
Eles comem tudo eles comem tudo
Eles comem tudo e nom deixam nada


Os Vampiros (Zeca Afonso)



colado x eDu

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada