18 sept. 2014

[Grécia] O FBI na ajuda do governo contra o Indymedia Atenas.

Recebemos esta notícia da Agência de Notícias Anarquistas - ANA, mas antes de colar a notícia quiger apontar a que a experiência na rede Indymedia, com o seu servidor nos EEUU, nom tem sido a mesma nas diferentes partes do globo nas que se instaurou (a experiência galega foi bem pobre e mesmo triste, entanto noutros lugares segue a ser umha moi boa canle de informaçom para o activismo militante), de feito na Grécia, o Indy Atenas com 14 anos de existència, leva tempo querendo ser fechada polos sucessivos governos, dada a sua importância na luita e agora, depois de várias tentativas fracassadas para fechar o Atenas Indymedia contando com os aparatos repressivos do Estado, desta vez, o Regime conta com a ajuda dos aparatos repressivos dos EEUU, dado que há alguns dias, o FBI, através do Ministério da "Justiça" dos EEUU, exigiu os dados pessoais dxs membros do colectivo administrador do Atenas Indymedia. Colamos agora este Comunicado resposta do seu Colectivo Administrador, expressando assim a nossa solidariedade com elxs, e pedindo a todas as mídias livres e independentes a divulgaçom desta notícia:

Na sexta-feira, 12 de setembro, o colectivo May First (Primeiro de Maio), que abriga umha parte da infraestructura do Atenas Indymedia, nos informou que tinha recebido umha intimaçom do Ministério da Justiça dos Estados Unidos, no marco de umha investigaçom realizada polo FBI. Especificamente, o FBI exigiu a cessom dos dados pessoais dxs assinantes que utilizam os endereços IP do Atenas Indymedia (ou seja, dxs administradorxs), sem dar qualquer explicaçom das razons para tal demanda, e sem mencionar se realizaria umha investigaçom no futuro sobre o conteúdo do servidor. Óbvio, a demanda nom foi aceita polo colectivo May First, apesar de que seus membros som conscientes dos riscos que essa negaçom implica para seus membros e para a sua infraestructura.

Para nós, essa demanda revela em grande parte a implicaçom das autoridades gregas sobre este assunto. Os aparatos repressivos som bem conscientes de que qualquer investigaçom ou a apreensom dos nossos equipamentos nom colocariam em perigo xs usuárixs do Atenas Indymedia nem interromperia o seu funcionamento. Eles nom conseguiram fazer isso em mais de 14 anos que vem funcionando este projecto. Acreditamos que este novo ataque que está recebendo o movimento, juntamente com a desinformaçom, é um exemplo da estratégia escolhida polo Estado. Colocando na mira especificamente xs administradorxs do colectivo Atenas Indymedia, o aparato do Estado deixa claro que ele quer controlar e criminalizar a informaçom (a liberdade de expressom) e a divulgaçom do discurso e da acçom da resistência social.

O colectivo administrador do Atenas Indymedia emana todas as acçons necessárias para a continuaçom ininterrupta de funcionamento deste projecto, a segurança dxs usuárixs e a implementaçom de suas decisons estratégicas, recusando-se a submeter-se ao medo e ao silenciamento que o Estado está tentando impor.

Apelamos a todxs aquelxs que desejam e lutam por um mundo de liberdade, igualdade, solidariedade e prosperidade para todxs, a apoiar por todos os meios os projectos de contrainformaçom e o Atenas Indymedia.

Colectivo administrador do Atenas Indymedia

Introduçom da notícia em Abordaxe x eDu

1 comentario:

  1. Pois xa podía ter chegado a CIA a Galiza e terse cargado o indy Galiza tempo antes do arakiri dos seus administradores. Ahahahaha!

    ResponderEliminar