6 ago. 2014

[Birmingham, Reino Unido] Activistas bloqueiam fábrica israelense de armas

Informa ANA:

Durante quase um mês, Israel bombardeou Gaza por terra, mar e ar. Mais de 1.800 palestinos perderam a vida e crimes de guerra foram cometidos. Para nossa vergonha colectiva, o governo do Reino Unido nom só tomou medidas para pressionar Israel a deter seu massacre, mas se negou a tomar medidas para pôr fim ao apoio material que proporciona ao brutal regime de apartheid e o colonialismo israelense. Quando os governos apoiam crimes de lesa humanidade, os movimentos de base devem realizar acçons direitas.

Um grupo de activistas da rede “London Palestine Action” hoje (5 de agosto) se acorrentaram nas portas dumha fábrica de armas israelenses com sede em Birmingham, no Reino Unido, e quando se escreve este texto ocuparam o teito. Como parte do movimento de boicote, desinvestimento e sançons (BDS) e em resposta a chamamentos à acçom dos movimentos palestinos, estamos exigindo o fechamento definitivo da fábrica e o fim de todas as formas de comércio e cooperaçom militar com Israel.

A companhia que estamos ocupando, fabrica motores para avions e é propriedade de Elbit Systems, a maior empresa militar de Israel e o maior produtor de avions nom tripulados no mundo. Motores de avions nom tripulados produzidos nesta fábrica foram exportados a Israel em 2010, 2011 e 2012. Assim mesmo, drones Elbit Systems estám sendo utilizados no massacre em curso de Israel. Qualquer argumento que os componentes fabricados nesta fábrica nom estám sendo utilizados no actual ataque israelense contra Gaza nom som críveis.

Drones som umha parte chave do arsenal militar de Israel. Ao permitir que esta fábrica exporte componentes de avions nom tripulados e outras armas a Israel, o governo do Reino Unido está proporcionando apoio e a aprovaçom direita dos massacres de Israel.

A fábrica também é umha parte chave do programa “Watchkeeper” em que Elbit Systems é líder na fabricaçom dumha nova geraçom de avions nom tripulados para o exército britânico. O zumbido “Watchkeeper” se baseia no Hermes 450, documentado como sendo utilizado para matar civis palestinos durante o ataque a Gaza em 2008-09. Elbit Systems comercializa seus drones como "provas de campo" - polo que significa que seus avions nom tripulados demostraram ser eficazes para matar palestinos. O governo do Reino Unido importou tecnologia que se desenvolveu durante o curso dos massacres israelenses.

O primeiro ministro britânico, David Cameron, e o governo do Reino Unido tem sangue palestino em suas mans. Com o objectivo de pôr fim a sua profunda cumplicidade com o sistema de ocupaçom, o colonialismo e o apartheid contra os palestinos por parte de Israel, se devem tomar medidas para impor um embargo militar sobre Israel completo e fechar a fábrica Elbit Systems imediatamente.

É mais importante que nunca que a solidariedade que construímos com a luta palestina seja eficaz e impactante. Israel nom actua só, mas com o apoio dos governos e corporaçons de todo o mundo que tem nomes e endereços. É hora de que o movimento de solidariedade internacional intensifique suas acçons direitas contra os que apoiam e se beneficiam do apartheid de Israel, a tomar medidas que possam conduzir a um verdadeiro isolamento de Israel.

Una-se ao movimento de boicote, desinvestimento e sançons (BDS)! Deixe de armar Israel!

London Palestine Action

londonpalestineaction.tumblr.com

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada