20 sept. 2014

Prisões em massa de “anarquistas” e “ativistas radicais de esquerda” no Egito

Enviado ao noso correo pola agência de notícias anarquistas-ana

De Asranarshim (asranarshism.com)

Caros Amigos e Amigas,

Desde o último contato que tivemos com os anarquistas egípcios, sabemos que estão em uma situação emergencial.

O regime militar fascista de Al Sisi / Mubarak está perseguindo mais agressivamente para prender todas as anarquistas e outras ativistas radicais de esquerda.

De acordo com o jornal fascista do governo, mais de 41.000 pessoas foram presas. Entre elas estão: “Alaa Abdel Alfatah”, blogueiro muito conhecido, e “Mahienour El-Massry“, uma grande ativista do direito das mulheres e trabalhadoras, que é também advogada progressista e luta contra a sociedade de classes.

Estes grandes números de prisões ocorreram em menos de um ano! Foi entre julho de 2013 e maio de 2014.

O regime militar repressor continua a prender todas as anarquistas e quaisquer outras ativistas radicais de esquerda que estavam envolvidas na organização de qualquer espécie de manifestações ou ações contra o regime fascista/militar, que é apoiado pela CIA-Sionismo e outros poderes sanguinários do ocidente.

A intensidade dos últimos dias fez pesar tanta pressão na vida de nossas queridas camaradas, que o restante foi obrigado a viver se escondendo e na clandestinidade.

Nós, anarquistas do oriente-médio, estamos pedindo qualquer tipo de apoio e solidariedade, mesmo que seja apenas a difusão destas notícias.

Abaixo a ordem militar de Al Sisi / Mubarak.

Pela abolição das forças reacionárias, de todas as organizações religiosas e autoridades religiosas!

Destrua todos os poderes dos belicistas, incluindo CIA/EUA, Sionismo, poderes ocidentais, Rússia e China!

Por um Egito Livre, por um oriente-médio livre, por um mundo livre.

Anarchist Network (Rede Anarquista)

Tradução > Malobeo

agência de notícias anarquistas-ana



No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada