19 dic. 2013

[Madrid]: Trinta nazis da "Liga Joven" irrompem violentamente na "Universidad Autónoma"

Aproximadamente uns 30 nazis da "Liga Joven" invadiram repentinamente, provocaram e agrediram professores e alunos na faculdade de Biologia da UAM. Persoas ali presentes informaram que “quando foram enfrentados, marcharam embora rapidinho”. A seguir, Comunicado da Associaçom de Estudantes "Malayerba" (Biologia e Ambientais da UAM).

Comunicado:

Hoje, 17 de dezembro, após as 7h da noite, um grupo de aproximadamente 30 nazis da Liga Joven, com os rostos cobertos por máscaras, irromperam na Faculdade de Biologia da UAM.

Após encher o cham com sua asquerosa propaganda, começaram a tirar os cartazes realizados na nossa associaçom de estudantes, em memória aos assassinatos de Carlos Palomino e Pavlos Fyssas.

Em sua passagem pola faculdade, agrediram um estudante, ainda que este se encontre bem.

Deve ficar claro que o antifascismo e sua difusom nom som feitos que devam ser condenados: o negativo e o inadmissível som os valores que propugnam umha ideologia sexista, classista, homófoba e xenófoba.

Lutar contra eles nom só é legítimo senom necessário.

Desde A. E. Malayerba queremos expressar nossa grande repulsa ante este tipo de situaçom em que o fascismo passeia a vontade pela universidade, enquanto o Reitorado continua olhando até o outro lado quando lhe covêm; e a necessidade de actuar contra eles, considerando ainda o grande auge que estám tendo estas ideologias de extrema direita na actualidade.

Nenhuma agressom sem resposta.

Contra o fascismo nem um passo atrás.

Fora fascistas da universidade.

Nom passarám!

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada