8 ago. 2012

Grécia: 6400 pessoas migrantes detidas pola polícia em só 3 dias.

A polícia grega realiza o maior "pogromo" jamais visto até o de agora quando, segundo informaçons publicadas, detivo a 1500 pessoas entre os dias 2 e 3 de agosto e, em só o sábado 4, outras 4900. Quanto menos 1630 delas ficarom arrestadas e enfrontam-se à sua deportaçom.

Num viravolta orwelliano, o "pogromo racista" leva o nome de Operaçom “Zeus Xenios” – que vem sendo o antiguo deus da hospitalidade e protector das pessoas viageiras, e tivo lugar em Atenas e na localidade de Evros (na linha fronteira noreste com Turquia).

Até agora sabese que a repressom tivo continuidade no domingo 5, e que nesta ocasiom a operaçom estivo centrada em várias praças do centro de Atenas. Tal como informa "Occupied London", a polícia adicou-se a parar, perseguer e deter a todas quantas pessoas com aspecto de ser migrante que se atopavam no seu caminhar, sem importar se tinham ou nom a sua documentaçom.


Informaçom traduzida e colada por Edu de ContraInfo

1 comentario:

  1. Joder, ten tela que para unha operación coma esta usen o nome dun suposto deus da hospitalidade e a protección ás viaxeiras.

    Hostia... menos mal que non usaron o nome dun deus coñecido por hostigar ás viaxeiras, por perseguilas, prendelas e torturalas.

    ResponderEliminar