18 abr. 2013

Actualizaçom da situaçom de Gabriel Pombo da Silva

Colamos (depois de traduzido) o correio recebido a respeito da vista da que vos falamos há uns dias neste mesmo blogue (acá) na que as autoridades judiciais italianas reclamavam a extradiçom do compa ao acusar-lhe de ser "ideólogo e propulsor" da Operaçom "Ardire" (acolá neste mesmo blogue), mália que no tanto de suceder-se esses feitos, Gabriel atopáva-se preso na Alemanha.

Em martes, 16 de abril, Gabriel se passou ante a Audiência Nacional. Nom declarou nada sobre os feitos dos que se lhe acusa na Itália, refugando assim conformar-se com falsas categorias como inocência ou culpabilidade. De tal jeito que, na vista, só tratou-se da validez da Ordem de detençom europeia na sua contra.

Os argumentos apresentados pola defensa forom acolhidos polo Tribunal e resulta que a Euro-ordem nom se pode ejecutar polo de agora.

Dizer que, de momento, nom há prazos para umha próxima audiência.

O compa segue firme e forte. Pola nossa conta seguiremos atentxs às sujas jogadas dos distintos Estados que, com as suas leis, com as suas guerras e a destruiçom geralizada nom duvidam em sementar o terror para incrementar o control sobre todos os aspectos da vida e tirar proveito de tudo.

Com Raiba e Rebeldia. Pola Anarquia!

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada